segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Panquecas e bolos matinais diversos

Nos últimos tempos tenho bombardeado o Instagram e o Facebook com as minhas publicações das panquecas e dos bolos que faço para o pequeno-almoço!

Achei que era altura de colocar aqui as receitas que tanto me pedem, de forma a organizar as mesmas. 

O que é certo é que a forma de as confeccionar é sempre a mesma. Vão variando as quantidades, consoante a fase em que me encontro na altura e os toppings que utilizo. 

Gosto de variedade e ainda que a receita base seja a mesma, é possível fazer mil e uma combinações diferentes :)

Quando estava em cut, habituei-me a fazer as panquecas com claras em castelo. Para além de as tornar muito mais fofas, rendia muito mais em termos de volume de comida. 

E quando estamos em fase de restrição calórica, há que saber fazer substituições, por forma a comermos mais, usando os mesmos macronutrientes. 

Mesmo em bulk, tenho mantido a forma de as fazer, especialmente porque ficam mesmo fofinhas e saborosas! 

A base é sempre a mesma. Farinha de aveia de sabor e claras pasteurizadas em castelo. Nada mais.

É só bater as claras em castelo bem firmes, com umas gotas de sumo de limão e envolver, delicadamente a farinha de aveia nas claras.

Esta parte (delicadamente!!) faz toda a diferença. Se não o fizerem à mão, com o recurso a um salazar, as claras vão deslaçar e não vai ficar a mesma coisa!

Deixo algumas fotos com as quantidades e toppings que usei, até agora, mas não se prendam a estas sugestões, usem a vossa imaginação :)

Depois do preparado feito, é só colocarem numa forma de silicone e levarem ao forno, durante cerca de 15m a 30m, na parte debaixo do forno, para não tostar em demasia, consoante as quantidades que utilizem.

A de hoje. Usei 60g de farinha de aveia de brownie e 250ml de claras pasteurizadas. Requer cerca de 30m no forno. O topping é puré de frutos vermelhos com chia e lascas de coco 
Usei 40g de farinha de aveia de wafle e chocolate branco e 200ml de claras pasteurizadas. Requer cerca de 15m no forno. O topping é creme de marshmallows, papaia e amêndoa ralada
Usei 60g de farinha de aveia de ferrero rocher e 200ml de claras pasteurizadas. Requer cerca de 15m no forno. O topping é creme de marshmallow, banana, chocolate preto, canela e gengibre
Usei 40g de farinha de aveia de ferreno rocher e 200ml de claras pasteurizadas. Requer cerca de 15m no forno. O topping é creme de chocolate, frutos vermelhos congelados e avelãs
As quantidades são iguais à anterior, mas com creme de marshmallow, figos e cajus

Também igual à anterior, mas juntei ao preparado base, frutos vermelhos e chocolate preto partido
Este levou 60g de farinha de aveia e 200ml de claras em castelo. Ao preparado juntei maçã assada com canela e frutos secos. Usei uma forma de bolo inglês
Como vêem, uma receita tão simples, pode ter tantas, mas tantas combinações e formas diferentes de a confeccionar. Tudo depende do nosso gosto, do que nos apetece na altura. É só dar asas à imaginação!

Notas:

1) As quantidades usadas nas minhas receitas, são todas ajustadas às minhas necessidades calóricas. Podem e devem adaptar às vossas, basta manter as proporções ;)

domingo, 30 de outubro de 2016

O regresso ao blogue com direito a receita - bolo de aveia de bolacha maria, puré de maçã, manteiga de amendoim e canela!

E eis que, um ano e quatro meses depois, estou de regresso ao blogue :)

Neste último ano, mudou tanta coisa.

A vida profissional e pessoal, a alimentação e a forma de estar na vida.

Quando deixei de publicar no blogue, não conseguia gerir todas as mudanças que ocorreram, na altura, na minha vida.

E por vezes, temos mesmo de deixar algumas coisas para trás, sob pena de não conseguirmos dedicar-nos ao que é mais importante.... a nós!

Foi o que fiz. 

Dediquei-me mais a mim e com isso, a minha disponibilidade para o blogue mudou, ou pelo menos, na gestão do tempo, assumiu uma relevância diferente.

Até a página do facebook se ressentiu, tendo chegado, inclusivamente, a encerrar a mesma, durante algum tempo.

Contudo, quando gostamos do que fazemos, é difícil mantermo-nos longe.

Acabei por regressar, apesar de não ser tão assídua como outrora... mas o que importa é que dou aquilo que posso e que consigo.

Antigamente, sentia que tinha quase uma obrigação em partilhar tudo, mas todos temos as nossas vidas e na azáfama dos nossos dias, é manifestamente impossível, essa dedicação.

Mas.... confesso que tinha saudades deste cantinho! :) Aqui é tudo muito mais pessoal. Porque para além das receitas, partilho sempre um bocadinho de mim!

Conforme referi no instagram e na página do facebook, associei-me à Eu Nutrition (depois faço uma publicação a esse propósito) e foi a desculpa ideal, para voltar.

Porque às vezes, precisamos de um incentivo para regressarmos ao que nos faz sentir bem!

Neste último ano, deixei ainda de seguir a paleo. Nada contra com quem a faz, bem antes pelo contrário. Cada um de nós é livre de escolher aquilo com o que se sente melhor. E isso é válido também na alimentação.

Pessoalmente, comecei a sentir que era demasiado restritivo, no que diz respeito aos alimentos permitidos. Tinha saudades de pão, bolinhos, arroz, leguminosas, massas e de tudo aquilo a que tinha direito :)

Porque é tudo uma questão de equilíbrio e eu precisava do meu!

E agora vamos lá à receita que já devem estar fartos de me ler ehehe :)

Ingredientes:

  • 75g de farinha de aveia de bolacha maria (ou outra)
  • 250ml de claras pasteurizadas;
  • puré de maçã - usei o equivalente a uma maçã;
  • 15g de manteiga de amendoim;
  • 1 colher de sobremesa de canela.
Preparação:

Num processador de alimentos ou numa taça, misturar a farinha de aveia, o puré de maçã, a manteiga de amendoim e a canela. Envolver muito bem os ingredientes.

À parte, bater as claras em castelo bem firmes, com umas gotinhas de limão.

Juntar as claras, aos poucos, aos restantes ingredientes, envolvendo delicadamente, para não deslaçarem.

Colocar a mistura numa forma de silicone de bolo inglês e levar ao forno, previamente aquecido, no tabuleiro de baixo, durante cerca de 25/30m, a 170.º.

Se virem que está a tostar demais, tapem a forma com papel alumínio, para evitar que queime.

Depois é só degustar, acompanhado com um café ou cházinho!


Notas:

1) As quantidades usadas nas minhas receitas, são todas ajustadas às minhas necessidades calóricas. Podem e devem adaptar às vossas, basta manter as proporções ;)

2) A aveia e a manteiga de amendoim usadas foram fornecidas pela Eu Nutrition, pelo que esta publicação acaba por ser patrocinada por aquela marca :p